O Testamento de Abraão

Informações Avançadas

Traduzido por WA Craigie, MA, BA (Oxon.)

Texto editado pelo Rev. Alexander Roberts e James Donaldson e publicado pela T & T Clark, em Edimburgo, em 1867. Materiais introdutória adicional e notas fornecidas para a edição americana por A. Cleveland Coxe, 1886.


Introdução.

O texto grego de ambos os recensions deste trabalho é publicado pela primeira vez em "Textos e Estudos", vol. . II, n º 2 (Cambridge, 1892), por Montague Rhodes James, MA Nenhum dos manuscritos são mais velhos do que o século XIII, dos seis que contêm a versão mais longa o melhor é um ms Paris. escrito 1315, e o ms principal. do menor recensão (também em Paris) pertence ao século XV. Há também versões em romeno, língua eslava, etíope e árabe.

O trabalho em si até agora tem sido pouco notado, e é duvidoso o quanto ele era bem conhecido nos tempos antigos. É que talvez citados como "Abraham" no início das listas de obras apócrifas, e algumas passagens no início escritores cristãos podem indicar o seu conhecimento de tal obra. A evidência para isto é dada integralmente pelo editor do texto grego, em sua introdução (pp. 7-29). As conclusões tiradas por ele a partir desses avisos, e do trabalho em si, são ", que foi escrito no século II, que encarna lendas mais cedo do que o século, que recebeu sua forma atual, talvez no século nono ou décimo." Certas características nele também "parecem apontar para o Egito como seu lugar de nascimento", tais como a concepção da morte, a longo recensão, que tem paralelos nos livros apócrifos coptas, a pesagem das almas, e na presença dos anjos de gravação no julgamento cena.

ACREDITO
Religioso
Informações
Fonte
web-site
Religioso
Informações
Fonte
web-site

Nossa lista de 2300 Assuntos Religiosos
E-mail
Nenhuma das duas versões podem ser suposto ser cópias da obra original. Eles diferem uns dos outros, não só em tamanho, mas no arranjo. O menor recensão pode preservar mais do idioma original, mas que transpõe determinados segmentos, assim confundir o fim da narrativa, e neste a versão árabe em geral concorda com ele. A discrepância mais essencial começa com Chap. X. do tempo recension, onde Abraão, depois de ter sido retomada na nuvem, é a primeira mostrou as iniquidades que acontecem na Terra. O texto mais curto coloca isso no final de sua jornada, bastante original destruir o moral do escritor, que pretende enfatizar a misericórdia de Deus, e para mostrar como justa indignação de Abraão é substituído por sentimentos de compaixão para com o pecador. A visão da sentença é então alterado na versão mais curta, a alma duvidosa sendo aí condenado, em vez de serem salvos pela intercessão de Abraão. Neste ponto, o editor acha que o mais curto recensão pode ter sido influenciado pelo Apocalipse de Paulo, como também parece ser o caso com a razão de Michael para abandonar Abraão no cap. IV, que é bastante diferente do pretexto dada no texto mais longo. Também é notável que, a forma mais curta, não há palavra. da falta de vontade de Abraão para morrer, que é tão importante uma característica do outro, e é sem dúvida original, como a idéia não é de outra maneira desconhecido na literatura apócrifa. A conclusão da versão mais curta é muito reduzido, em comparação com o mais longo.

Por conta destas muitas diferenças entre os recensions deste trabalho notável, foi considerado melhor dar dois deles inteiro, e de tal forma que o leitor pode facilmente descobrir no que respeita a uma diferente da outra.

O tom da obra é, talvez, um pouco do que judaica cristã, mas, como frases e concepções de um personagem do Novo Testamento aparecem nela, especialmente na cena do julgamento, é mais provável de ser atribuído a um judeu cristão, que para a substância de que Chamou, em parte lendas mais antigas, e em parte de sua própria imaginação. Algumas de suas características são muito marcantes, e alguns deles não parecem ocorrer em qualquer lugar na literatura desta classe, é possível que alguns destes não ir mais para trás do que o medieval editores do texto. Entre os pontos mais notáveis ​​podem ser notados a idade de Abraão, atendendo diversas em diferentes mss, sua hospitalidade, bem como o envio de Michael para anunciar sua morte (Capítulo I):. Recusa de Michael para montar um cavalo (Cap. II. ): A árvore falar com uma voz humana (cap. III); as lágrimas de Michael se transformando em pedras preciosas (ibid.), e devorar o espírito enviado para consumir o alimento para ele (Cap. IV)... No cap. VI. a narrativa do Gênesis é lembrada por Michael reconhecendo Sarah como um dos três que vieram a Abraão, o carvalho de Manre, com a circunstância de o bezerro acrescentado subindo todo depois de ser comido. O sonho de Isaac no cap. VII. Talvez seja remotamente sugerido pelo de Joseph. A visão de todo o julgamento, com a presença de Adão e Abel, é muito notável, como também a concepção da morte, e da explicação das suas várias formas.

.

O Testamento de Abraão.

Versão I.

I. Abraão viveu na medida de sua vida, 995 anos, e ter vivido todos os anos da sua vida na tranqüilidade, mansidão e justiça, o justo era superior a hospitaleiro, pois, lançando sua tenda na cruz -maneiras, o carvalho de Manre, recebeu cada um, ricos e pobres, reis e governantes, os aleijados e os desamparados, amigos e desconhecidos, vizinhos e viajantes, todos iguais fez o devoto, todo-santo, justo, e hospitaleiro Abraão entreter. Mesmo em cima dele, no entanto, chegou o comum, inexorável, muito amargo da morte, e da incerteza final da vida. Por isso o Senhor Deus, a sua convocação arcanjo Miguel, disse-lhe: Vai, comandante-chefe [3991] Michael, a Abraão e falar com ele a respeito de sua morte, que ele possa definir seus assuntos em ordem, para eu ter como ele abençoou as estrelas do céu e como a areia na praia do mar, e ele está na abundância de vida longa e muitas posses, e está se tornando superior ricos. Além de todos os homens, além disso, ele é justo em todos os bondade, hospitaleiro e amando até o fim de sua vida, mas tu, arcanjo Miguel, ir para Abraão, meu querido amigo, e anunciar-lhe a sua morte e, assim, assegurar-lhe: Tu te neste momento de partir deste mundo vão, e tu saia do corpo, e vai para tua Lord entre o bem.

II. E o comandante-chefe partiu diante da face de Deus, e desceu a Abraão ao carvalho de Manre, e encontrou o justo Abraão no próximo campo, sentado ao lado de juntas de bois para a lavoura, juntamente com os filhos do Masek e Outros agentes, com o número de 12. E eis que o comandante-chefe veio ter com ele, e Abraão, vendo o chefe-capitão Michael vinda de longe, como o de um guerreiro muito formosa, levantou-se e conheceu como era seu costume, reunião e divertida todos estranhos. E o comandante-chefe saudou-o e disse: pai Salve, mais honrado, alma justo escolhido de Deus, o verdadeiro filho de um celeste. Abraão disse ao comandante-chefe: Salve, guerreiro mais honrado, brilhante como o sol e mais bonito acima de todos os filhos dos homens, tu és bem-vindo, por isso eu peço a tua presença, me diga quando os jovens da tua idade veio; ensinar me, o teu onde, suplicante e de que o exército e de viagem tua beleza vem cá. O comandante-chefe disse: Eu, ó virtuosos Abraão, vem da cidade grande. Eu fui enviado pelo grande rei para tomar o lugar de um bom amigo seu, para o rei lhe foi convocado. E Abraão disse: Vem, meu Senhor, ir comigo até o meu campo. O comandante-chefe disse: Eu venho, e ir para o campo da lavoura, que se sentou ao lado da empresa. E Abraão disse aos seus servos, os filhos do Masek: Ide ao rebanho de cavalos, e trazer dois cavalos, calmo, e manso e manso, para que eu e esse estranho pode sentar-se nela. Mas o comandante-chefe disse: Não, meu Senhor, Abraão, que eles não trazer cavalos, para me abster de cada sessão em qualquer animal de quatro patas. Não é meu rei muito rico em mercadoria, que tenham tanto poder sobre os homens e todos os tipos de gado? mas eu abster-se de qualquer sessão após besta de quatro patas. Vamos, então, ó alma justa, andando levemente até chegarmos tua casa. E Abraão disse: Amém, seja assim.

III. E como eles foram sobre o campo em direção à sua casa, ao lado dessa forma lá ficava um cipreste, e pelo comando do Senhor da árvore gritou com voz humana, dizendo: Santo, santo, santo é o Senhor Deus que chama Mesmo para aqueles que o amam, mas Abraão escondeu o mistério, pensando que o comandante-chefe não tinha ouvido a voz da árvore. E, chegando próximo da casa que sentou no tribunal, e Isaac vendo o rosto do anjo disse a sua mãe Sarah, minha senhora mãe, eis que o homem sentado com meu pai Abraão não é um filho da raça daqueles que habitam sobre a terra. Isaac e corriam, e saudou ele, e caiu aos pés do Incorporeal, e abençoou o Incorporeal ele e disse: O Senhor Deus vai te concederá sua promessa que fez ao teu pai Abraão e à sua descendência, e também irá conceder-te O precioso oração do teu pai e tua mãe. Abraão disse ao seu filho Isaac, meu filho Isaac, tirar água do poço, e trazê-lo me no navio, para que possamos lavar os pés deste estranho, porque ele está cansado, que veio a nós fora de uma longa jornada. Isaac e correu para o bem e chamou a água no vaso e trouxe a eles, e Abraão subiu e lavou os pés do chefe capitão Michael, eo coração de Abraão foi movido, e ele chorou sobre o estranho. E Isaque, vendo seu pranto pai, chorou também, e o comandante, vê-los chorando, também chorou com eles, e as lágrimas do comandante caiu do navio para a água da bacia e se tornou pedras preciosas. Abraão e vendo a maravilha, e ser admirada, tomou as pedras secretamente, e escondeu o mistério, mantendo-a por-se em seu coração.

IV. E Abraão disse ao seu filho Isaac: Vá, meu filho amado, na câmara interna da casa e embelezá-la. Espalhe para nós há dois sofás, um para mim e outro para este homem que é convidado conosco este dia. Prepare-se para nós há um lugar e um castiçal e uma tabela com abundância de cada coisa boa. Embelezar a câmara, o meu filho, e propagação nos sob linho e púrpura e linho fino. Queimadura lá todos os preciosos excelente e incenso, e trazer de cheiro doce plantas do jardim e encher a nossa casa com eles. Kindle sete lâmpadas cheias de óleo, para que possamos alegrar, para este homem que é nosso convidado neste dia é mais glorioso do que reis e governantes, e sua aparência supera todos os filhos dos homens. E Isaac preparou todas as coisas bem, e Abraão tendo o arcanjo Miguel entrou na câmara, e ambos sentaram-se em cima dos sofás, e entre elas ele colocou uma mesa com abundância de cada coisa boa. Então o comandante levantou-se e saiu, como se pela limitação do seu ventre de fazer questão da água, e ascendeu ao céu em um piscar de olhos, e estava em pé diante do Senhor, e disse-lhe: Senhor e Mestre, que Tua Poder sabem que eu sou incapaz de lembrar que o homem justo de sua morte, por que eu não tenho visto sobre a terra um homem como ele, miseráveis, hospitaleiro, justos, verazes, devoto, abstendo-se de qualquer mal. E agora sei, Senhor, que eu não posso lembrá-lo de sua morte. E o Senhor disse: Vá para baixo, chefe-capitão Michael, ao meu amigo Abraão, e tudo o que ele disse a ti, que tu também não, e tudo o que ele come, come tu também com ele. E eu vou enviar o meu Espírito Santo sobre seu filho Isaac, e vai colocar a recordação de sua morte no coração de Isaac, de modo que até mesmo ele em um sonho pode ver a morte de seu pai, Isaac e irá incidir o sonho, e tu deves interpretá-lo, e ele vai saber o seu fim. E o comandante-chefe disse: Senhor, todos os espíritos celestes são incorpóreos, e nem comer nem beber, e este homem tem diante de mim uma mesa com abundância de todas as coisas boas da terra e corruptível. Agora, Senhor, o que devo fazer? Como devo escapar dele, sentada em uma mesa com ele? O Senhor disse: Vá até ele, e não se preocuparem com isso, para quando te assentares-se com ele, vou enviar sobre ti um espírito devorador, e ele vai consumir as tuas mãos e através da tua boca tudo o que está no tabela. Alegrem-se com ele em tudo, só tu interpretar bem as coisas da visão, que Abraão pode saber a foice da morte e da incerteza final da vida, e possam fazer eliminação de todos os seus bens, por eu ter abençoado ele acima da areia do mar e como as estrelas do céu.

V. Em seguida, o comandante foi para a casa de Abraão, e sentou-se com ele à mesa, e Isaque serviram. E quando a ceia foi encerrada, Abraão orou após seu costume, e ao comandante-chefe rezou junto com ele, e cada um se deitou para dormir ao seu sofá. Isaac e disse a seu pai, Pai, também eu fain dormir com você nesta câmara, para que eu também possa ouvir o seu discurso, pois eu amo ouvir a excelência da conversa deste homem virtuoso. Abraão disse: Não, meu filho, mas ir a tua própria câmara e dormir no teu próprio sofá, porque nós ser incomodativo para este homem. Então Isaac, tendo recebido a oração a partir deles, e tendo os abençoou, foi para o seu próprio quarto e deitou-se em cima de seu sofá. Mas o Senhor lançou a idéia de morte no coração de Isaac como em um sonho, e sobre a terceira hora da noite Isaac acordou e se levantou de seu leito, e veio correndo para a sala onde seu pai estava dormindo juntos com o arcanjo . Isaac, por isso, ao chegar à porta gritou, dizendo: Meu pai Abraão, surgem e abrir-me rapidamente, para que eu possa entrar e pendure sobre pescoço, e abraçar-te antes que eles te levar longe de mim. Abraão, portanto, surgiu e abriu para ele, e Isaac entrou e pairava sobre o seu pescoço, e começou a chorar em alta voz. Abraão, portanto, ser movido pelo coração, também chorou em alta voz, e ao comandante-chefe, vendo-os prantos, chorou também. Sarah estando em seu quarto, ouviu o seu choro, e veio correndo para eles, e eles encontraram abraça e chora. E disse Sara com choro, meu Senhor Abraão, que é isto que vos chorar? Diga-me, meu Senhor, tem este irmão, que foi admitido por nós neste dia trouxe notícias de ti, Ló, filho de teu irmão, que ele está morto? é para isso que vos entristecer assim? O comandante-chefe respondeu, e disse-lhe: Não, minha irmã Sarah, não é como tu dizes, mas teu filho Isaac, methinks, viu um sonho, e veio até nós chorando, e estamos vendo lhe foram movidas em nossos corações e chorou.

VI. Então Sarah, a audiência excelência da conversa do comandante-chefe, logo sabia que era um anjo do Senhor, que falou. Sarah, portanto, significou a Abraão a sair para a porta, e disse-lhe: meu Senhor Abraão, tu sabes quem é este homem? Abraão disse, eu não sei. Sarah disse, Tu sabes, meu Senhor, os três homens do céu que se entreter por nós em nossa barraca ao lado do carvalho de Mambré, quando tu matar a criança sem defeito, e definir um quadro antes deles. Após a carne tinha sido comido, o garoto subiu novamente, e sugado sua mãe com grande alegria. Não sabes, meu Senhor Abraão, que pela promessa que nos deu Isaac como o fruto do ventre? Destes três homens santos este é um. Abraão disse, ó Sarah, falas tu esta a verdade. Glória e louvor de nosso Deus e Pai. Para a tarde da noite, quando me lavou os pés na bacia disse no meu coração: Estes são os pés de um dos três homens que me lavaram então, e suas lágrimas que caíram na bacia tornou-se então pedras preciosas. E sacudindo-a de seu colo, deu-lhes a Sarah, dizendo: Se tu crês não me procure agora a estes. Sarah e recebê-los curvou-se e saudou e disse: Glória a Deus que nos mostra coisas maravilhosas. E agora sei, meu Senhor Abraão, que há entre nós a revelação de alguma coisa, seja ela boa ou mal!

VII. Abraão e Sara esquerda, e entrou na câmara, e disse a Isaac: Vem cá, meu amado filho, diga-me a verdade, o que era viste e befell ti que tu chegaste tão apressadamente para nós. E, respondendo Isaac começou a dizer, eu vi, meu Senhor, nesta noite, o sol ea lua em cima da minha cabeça, rodeando-me com os seus raios e me dar luz. Ao olhar para isso e regozijou-se, eu vi o céu aberto, e um homem que ostentam luz descer a partir dele, brilhando mais de sete sóis. E este homem como o sol veio e tirou o sol da minha cabeça, e subiu aos céus de onde ele veio, mas eu estava muito triste que ele tirou de mim o sol. Depois de um pouco, como eu ainda estava aflito e perturbado, eu vi este homem chegou diante do céu uma segunda vez, e ele tirou de mim a lua também fora de minha cabeça, e eu chorou muito e pediu que o homem de luz , e disse: Não, meu Senhor, a minha glória de mim, tenha pena de mim e me ouvir, e se tomares longe de mim o sol, em seguida, deixar a lua para mim. Ele disse: Deixai-os a ser levado para o rei acima, para que ele deseja-los lá. E ele levou-os para longe de mim, mas ele deixou a raios sobre mim. O comandante-chefe disse: Ouve, ó justos Abraão, o sol que teu filho está tu viu seu pai, ea lua também é Sara, sua mãe. O homem que ostentam luz que desceu do céu, este é o enviado de Deus, que é levar a tua alma justa de ti. E agora sei, ó Abraão mais honrado, que neste momento tu deixar esta vida terrena, e remover a Deus. Abraão disse ao chefe O capitão strangest de maravilhas! e agora és tu que ele deve tomar a minha alma de mim? O comandante-chefe disse-lhe: Eu sou o chefe-capitão Michael, que está diante do Senhor, e fui enviado para te lembrar-te da tua morte, e então é que deve afastar a ele como se me deu ordem. Abraão disse: Agora sei que tu és um anjo do Senhor, e wast enviado para tomar minha alma, mas eu não vou ir contigo, mas não que tu és ordenado.

VIII. O comandante-chefe ouvir estas palavras imediatamente desapareceu, e subir ao céu estava diante de Deus, e disse tudo o que tinha visto na casa de Abraão, e do comandante-disse isso também ao seu Senhor: Assim diz teu amigo Abraão, eu não ir contigo, mas fazer que tu és ordenado, e agora, ó Senhor Todo-Poderoso, tua glória e imortal reino fim nada? Deus disse para o chefe-capitão Michael, Vá ao meu amigo Abraão ainda mais uma vez, e falar com ele assim: Assim diz o Senhor teu Deus, que ele trouxe-te à terra da promessa, que abençoou acima da areia do mar e acima das estrelas do céu, que abriu o ventre da esterilidade de Sara, e concedeu te Isaac como fruto do ventre na terceira idade: Em verdade te digo que a bênção te abençoarei, e multiplicarei a tua descendência, e eu vou te dar tudo o que tu deverás perguntar de mim, pois eu sou o Senhor, teu Deus, e além de mim não há outro. Diga-me por tu se rebelaram contra mim, e porque é que há dor em ti, e por isso tu rebelou contra o meu arcanjo Miguel? Não sabes que todos os que vêm de Adão e Eva, morreram, e que nenhum dos profetas escapou da morte? Nenhum desses essa regra como reis é imortal; nenhum dos teus antepassados ​​escapou do mistério da morte. Eles morreram, todos eles partiram em Hades, todos eles são recolhidos pela foice da morte. Mas sobre ti não me enviou morte, eu não sofreram qualquer doença mortal para vir sobre ti, não me permitiu a foice da morte para encontrar-te, eu não permitiu a redes de Hades para enfold ti, eu nunca quis te encontrar-se com qualquer mal. Mas para o bom conforto tenho enviado o meu chefe-capitão Michael para ti, para que possas saber a tua saída do mundo, e definir tua casa em ordem, e tudo o que pertence a ti, e te abençoe Isaac teu filho amado. E agora sei que eu tenho feito este não pretender aflitos te. Por que, então tens tu disse ao meu comandante-chefe, eu não vou ir contigo? Portanto tens falado assim? Não sabes que, se me dão licença à morte e ele vem sobre ti, então eu deveria ver se tu queres vir ou não?

IX. E o comandante-chefe receber as exortações do Senhor desceu para Abraão, e vendo-lhe o justo caiu com o rosto para o chão, como um morto, e ao comandante-chefe disse-lhe tudo o que tinha ouvido do Altíssimo. Em seguida, o santo e justo Abraão ascensão, com muitas lágrimas caíram aos pés do Incorporeal, e rogaram-lhe, dizendo: Eu te rogo, comandante-chefe dos exércitos acima, desde tu inteiramente dignou a vir a ti mesmo a mim, pecador e em todas as coisas a teu servo indigno, peço-te, mesmo agora, ó comandante-chefe, para exercer a minha palavra mais uma vez para o Altíssimo te, e tu dizer-lhe: Assim diz Abraão, teu servo, Senhor, Senhor, em cada obra e palavra Eu pedi que de ti me ouviste, e quem cumpriu todo o meu conselho. Agora, Senhor, eu não resistir teu poder, para eu também sei que eu não sou imortal, mas mortal. Visto, pois, ao teu comando rendimento todas as coisas, eo medo ea tremer no rosto do teu poder, também eu temo, mas peço um pedido de ti, e agora, Senhor e Mestre, ouve a minha oração, por enquanto ainda neste corpo eu desejo de ver toda a terra habitada, e todas as criações que tu didst estabelecer por uma palavra, e quando vejo estes, então, se vou afastar me vida será sem tristeza. Assim, o comandante-chefe voltou novamente, e ficou diante de Deus, e disse-lhe tudo, dizendo: Assim diz o teu amigo Abraão, eis que eu desejar toda a terra na minha vida antes de morrer. E a audiência Altíssimo isso, novamente comandou o chefe-capitão Michael, e disse-lhe: Toma uma nuvem de luz, e os anjos que têm poder sobre os carros e ir para baixo, pegue o justo Abraão em cima de um carro dos querubins , e exaltá-lo no ar do céu que ele possa contemplar toda a terra.

X. E o arcanjo Miguel desceu e tomou Abraão sobre um carro de querubins, e exaltado ele no ar do céu, e levou-o sobre a nuvem juntamente com 60 anjos, e Abraão subiu em cima do carro sobre toda a terra. E Abraão viu o mundo como ele era, naquele dia, algumas lavouras, outros dirigindo Wains, em um lugar homens de pastoreio rebanhos, e em outro a observá-los durante a noite, dançando e jogando harping e, em outro lugar homens se esforçando e lutando por lei , em outros lugares homens prantos e tendo em memória dos mortos. Ele viu também o. Recém-casada recebeu com honra e, em uma palavra que ele viu todas as coisas que são feitas no mundo, bom e mau Abraão, portanto, passar sobre eles viram homens carregam espadas, exercendo em suas mãos espadas afiadas, e Abraão pediu ao comandante-chefe, Quem são estes? O comandante-chefe disse, estes são ladrões, que pretendem cometer assassinato, e para roubar e destruir e queimar. Abraão disse: Senhor, Senhor, ouve a minha voz, e de comando que os animais selvagens podem sair da madeira e devorá-los. E como ele mesmo falou lá vieram os animais selvagens fora da madeira e os devorou. E ele viu em outro lugar um homem com uma mulher cometer fornicação com o outro, e disse: Senhor, Senhor, manda que a terra pode abrir e engoli-los, e logo a terra foi fenda e os engoliu. E ele viu em outro lugar homens cavando através de uma casa, e levar longe posses de outros homens, e ele disse: Senhor, Senhor, manda que o fogo pode descer do céu e os consuma. E como ele mesmo falou, desceu fogo do céu e os consumiu. E logo veio uma voz do céu ao comandante-chefe, dizendo assim, ó chefe-capitão Michael, comando parar o carro, e vire Abraão longe que ele não pode ver toda a terra, porque, se ele vê todos os que vivem em impiedade, ele vai destruir toda a criação. Pois eis que Abraão não tem pecado, e não tem pena dos pecadores, mas eu fiz o mundo, e que não pretende destruir qualquer um deles, mas que esperassem a morte do pecador, até que ele se converta e viva. Mas tomar Abraão até o primeiro portão do céu, para que ele possa ver lá os acórdãos e recompensará, e arrepender-se das almas dos pecadores que ele tenha destruído.

XI. Assim, Michael virou o carro e trouxe Abraão para o leste, para o primeiro portão do céu, e Abraão viu duas maneiras, uma das estreitas e contratados, as outras grandes e espaçosos, e lá ele viu duas portas, a um amplo sobre a ampla Assim, a estreita e outro no caminho estreito. E fora das duas portas lá ele viu um homem sentado em um trono dourado, ea aparência de que o homem era terrível, como o Senhor. [3992] E viu muitas almas impulsionado por anjos e nos conduziu através do amplo portão, e outras almas, em número reduzido, que foram tomadas pelos anjos pela porta estreita. E quando o maravilhoso aquele que estava assentado sobre o trono dourado viu poucas entrar pela porta estreita, e muitos entram através do amplo, logo que um maravilhoso arrancou os cabelos da cabeça e os lados de sua barba, e atirou-se no chão do seu trono, chorando e lamentando. Mas quando ele viu muitas almas que entram pela porta estreita, então ele se levantou do chão e sentou-se no seu trono em grande alegria, regozijo e exultante. Abraão e pediu ao comandante-chefe, Meu Senhor comandante-chefe, quem é este homem mais maravilhoso, adornado com tanta glória e, às vezes, ele chora e lamenta, e às vezes ele se alegra e exulta? O incorpóreos um disse: Este é o primeiro Adão-criado que está em tal glória, e ele olha para o mundo, pois todos nascem com ele, e quando ele vê muitas almas a atravessar a porta estreita, então ele se levanta e se senta ao seu Trono exulting alegria e na alegria, porque esta é a porta estreita do justo, que leva à vida, e os que entram por ela entrar no Paraíso. Para isso, então, exulta a primeira criou Adão, porque ele vê as almas sejam salvas. Mas quando ele viu muitas almas que entram pela porta larga, então ele puxa os cabelos de sua cabeça, e lança-se no chão chorando e lamentando amargamente, o amplo portão é que dos pecadores, o que leva à destruição e castigo eterno. E para isso o primeiro-formado Adam quedas de seu trono chorando e lamentando a destruição dos pecadores, porque são muitos que estão perdidos, e são poucos os que são salvos, para em sete mil há quase não encontrou uma alma salva, sendo justos e imaculada.

XII. Enquanto ele ainda estava dizendo essas coisas para mim, eis dois anjos, fiery no aspecto, e sem piedade em mente, e grave no olhar, e que levou em milhares de almas, impiedosamente atacando-os com correias de fogo. O anjo prendeu uma alma, e que levou em todas as almas pela porta larga da destruição. Então, nós também foi junto com os anjos, e veio dentro desse amplo portão, e entre os dois portões estavam um trono terrível de aspecto, de cristal terrível, brilhando como fogo, e sobre ela estava sentado um homem maravilhoso brilhante como o sol, gostam de o Filho de Deus. Antes ele ficava uma tabela como cristal, todos de ouro e linho fino, e sobre a mesa havia deitado um livro, a espessura de seis côvados, ea sua largura de dez côvados, e, à direita e à esquerda dele estavam dois anjos segurando papel e tinta e caneta. Antes da mesa estava um anjo de luz, segurando em sua mão um equilíbrio, e à sua esquerda sab um anjo todo de fogo, sem piedade, e grave, segurando em sua mão uma trombeta, tendo no seu seio todos os consumidores de fogo com a qual tentar a pecadores. As maravilhosas homem que estava sentado no trono próprio julgado e condenado as almas, e os dois anjos à direita e à esquerda escreveu, o da justiça o direito eo outro à esquerda da maldade. O único antes da tabela, o fiel da balança, pesava as almas, eo anjo de fogo, que detinha o fogo, tentou as almas. Abraão e pediu ao diretor-capitão Michael, que é isso que nos vejam? E o comandante-chefe disse, estas coisas que tu vês, santo Abraão, são o julgamento e recompensa. E eis que o anjo segurando a alma em sua mão, e ele a trouxe perante o juiz, eo juiz disse a um dos anjos que lhe serviu, Abra-me este livro, e encontrar-me os pecados desta alma. E abrir o livro que ele encontrou seus pecados e sua retidão igualmente equilibrado, e ele nem se deu aos torturadores, nem os que foram salvos, mas defini-lo no meio.

XIII. E Abraão disse: Meu Senhor comandante-chefe, que é a mais maravilhosas juiz? e quem são os anjos que escrevem para baixo? e quem é o anjo como o sol, mantendo o equilíbrio? e quem é o anjo de fogo segurando o fogo? O comandante-chefe disse: "Vês, Abraão mais sagrado, o terrível homem sentado no trono? Este é o filho do primeiro Adão criado, que é chamado Abel, a quem os maus Caim matou, e ele se sente assim, para julgar todos criação, e examina os homens justos e pecadores. Porque Deus disse, eu não vou te julgar, mas todo homem nasce do homem será julgado. Assim, ele deu a ele julgar, para julgar o mundo até à sua grande e gloriosa vinda, e então, ó justos Abraão, é o perfeito juízo e recompensa, eterno e imutável, que ninguém pode alterar. Para cada homem veio do primeiro-criado, e, portanto, eles são os primeiros julgados aqui por seu filho, e na segunda vinda Eles devem ser julgados pelas doze tribos de Israel, cada respiração e cada criatura. Mas a terceira vez que eles serão julgados pelo Senhor Deus de todos, e então, de fato, o fim de que o julgamento está próximo, e a frase terrível, e não há ninguém para entregar. E agora, por três tribunais, o julgamento do mundo e é feita a recompensa, e por esta razão não é uma questão finalmente confirmada por uma ou duas testemunhas, mas por três testemunhas devem ser estabelecidas tudo. Os dois Anjos na mão direita e na esquerda, são elas que anote os pecados e da justiça, a da mão direita escreve a justiça, eo outro à esquerda os pecados. O anjo como o sol, mantendo o equilíbrio em sua mão, é o arcanjo, o Dokiel apenas balança, e ele pesa o justiças e pecados com a justiça de Deus. O anjo de fogo e impiedoso, segurando o fogo em sua mão, é o arcanjo Puruel, que tem poder sobre o fogo , e tenta as obras dos homens através do fogo, e se o fogo consumir o trabalho de qualquer homem, o anjo da sentença imediatamente aproveita-lo, e leva-o para o lugar de pecadores, a mais amarga lugar de castigo. Mas se o fogo aprova o trabalho de ninguém, e não é aproveitar, que o homem é justificado, e o anjo da justiça leva-lo e leva-lo para ser guardada no lote dos justos. E assim, mais virtuosos Abraão, todas as coisas em todos os Homens são julgados por fogo e ao equilíbrio. "

XIV. E Abraão disse ao comandante-chefe, meu senhor, o comandante-chefe, a alma que o anjo tinha na mão, por que ele foi julgado, a ser definido no meio? O comandante-chefe disse, Escute, virtuosos Abraão. Porque o juiz considerou seus pecados. e suas justiças iguais, ele não cometeu a julgamento nem para ser salvo, até que o juiz de tudo deve vir. Abraão disse ao comandante-chefe, e que ainda é querer para a alma para ser salvo? O comandante-chefe disse que, se ele obtiver um bem acima das suas faltas, a entrada em salvação. Abraão disse ao comandante-chefe, Vem cá, chefe-capitão Michael, façamos oração para esta alma, e ver se Deus vai nos ouvir. O comandante-chefe disse: Amém, seja assim, e eles fizeram oração e súplica para a alma, e Deus os ouviu, e quando se levantou de sua oração, não viu a alma de pé lá. E Abraão disse ao anjo: Onde está a alma que tu segurar no meio? E o anjo respondeu: Ela foi salva pelo teu virtuosos oração, e eis que um anjo de luz tomou-a e levou-se em Paraíso. Abraão disse, eu glorificar o nome de Deus, o Altíssimo, e sua misericórdia imensurável. E Abraão disse a comandante-chefe, eu te peço, arcanjo, escutai a minha oração, e vamos ainda invocar o Senhor, e suplicar a sua compaixão, e suplicar sua misericórdia para as almas dos pecadores quem eu anteriormente, na minha raiva, amaldiçoados e destruídos, a quem a terra devorou, e as feras rasgou em pedaços, e os incêndios consumiram através das minhas palavras. Agora eu sei que eu pequei diante do Senhor nosso Deus. Venha então, ó Michael, diretor-capitão dos exércitos acima, vem, vamos chamar a Deus com lágrimas que ele pode me perdoe o meu pecado, e conceder-lhes para mim. E o comandante-chefe o ouviu, e eles fizeram súplica diante do Senhor, e quando eles tinham chamado ele por um longo espaço, veio uma voz do céu, dizendo: Abraão, Abraão, que dei ouvidos à tua voz e tua oração, e perdoar-te o teu pecado, e aqueles a quem pensas tu que eu tenho chamado destruiu-se e trouxe-os para a vida pelo meu superior a bondade, porque para uma temporada tenho correspondido-los em juízo, e aqueles a quem eu destruir vida na terra, eu vou não retribua em morte.

XV. E a voz do Senhor disse também que o chefe-capitão Michael, Michael, meu servo, retornaremos Abraão para sua casa, para virem seu fim chegou aproxima, ea medida de sua vida é preenchida, que pode definir todas as coisas em ordem, e, em seguida, levá-lo e trazê-lo para mim. Assim, o comandante-chefe, transformando o carro e da nuvem, Abraham trouxe para sua casa, e entrar em seu quarto, ele sentou-se no sofá. E Sara, sua esposa veio e abraçou os pés do Incorporeal, e falou humildemente, dizendo: Eu te dou graças, meu Senhor, que fizeste meu Senhor Abraão, pois eis que nós pensamos que ele tinha sido tomado de nós. E seu filho Isaac também vieram e caiu sobre o seu pescoço, e da mesma forma todos os seus homens-escravos e mulheres-escravos rodeado Abraão e abraçou-o, glorificando a Deus. E o Incorpóreo disse-lhes: Ouvi, virtuosos Abraão. Eis que a mulher de teu Sarah, eis também teu amado filho Isaac, eis também todos os teus servos e servas redor de ti. Faça disposição de tudo o que tens, para o dia chegou perto em que hás de afastar-se do corpo e ir para o Senhor uma vez por todas. Abraão disse: Será que o Senhor disse isso, ou dizes isso de ti mesmo? O comandante-chefe respondeu: Ouvi, virtuosos Abraão. O Senhor ordenou, e eu digo que te. Abraão disse, eu não vou contigo. O comandante-chefe, ouvindo estas palavras, logo saiu da presença de Abraão, e subiu aos céus, e ficou diante de Deus o Altíssimo, e disse: Senhor Todo-Poderoso, eis que dei ouvidos a Tua amigo Abraão em tudo o que ele disse para Ti, e ter cumprido as suas solicitações. Eu mostrei a ele Teu poder, e toda a terra e do mar que há debaixo do céu. Eu mostrei a ele julgamento e recompensa por meio de nuvem e charretes, e novamente ele diz, eu não vou contigo. E o Altíssimo disse ao anjo: O meu amigo Abraham dizer, assim, mais uma vez, eu não vou ir contigo? O arcanjo disse, Senhor Todo-Poderoso, ele diz assim, e eu abster-se de impor as mãos sobre ele, porque desde o início ele é teu amigo, e fez todas as coisas agradáveis ​​em Tua vista. Não há um homem como ele na terra, nem mesmo o homem do trabalho maravilhoso, e, portanto, me abstenho de impor as mãos sobre ele. Comando, portanto, Rei imortal, o que deve ser feito.

XVI. Em seguida, o Altíssimo disse, Chame-me cá Morte que é chamado o semblante sem vergonha eo olhar impiedoso. E Michael passou a Incorporeal e disse a Morte, Vem cá, o Senhor da criação, o eterno rei, te chama. E a Morte, ouvindo isto, estremeceu e tremeu, sendo possuído com grande terror, e vindo com grande receio estava diante do pai invisível, tremendo, gemendo e tremendo, aguardando o comando do Senhor. Portanto, o Deus invisível disse a Morte: Vem cá, tu amargo e feroz nome do mundo, esconder o teu furor, cobrir teu corrupção, e jogar fora teu amargura de ti, e coloca em tua beleza e toda tua glória, e desce à Abraão, meu amigo, e levá-lo e trazê-lo para mim. Mas agora também eu te digo não para aterrorizá-lo, mas trazê-lo com justa discurso, pois ele é meu amigo. Tendo ouvido isso, a Morte saiu da presença do Altíssimo, e colocou um roupão de grande brilho, e fez a sua aparição como o sol, e tornou-se justo e bonito sobretudo os filhos dos homens, assumindo a forma de um arcanjo, tendo suas bochechas fogo com fogo, e ele partiu para Abraão. Agora, o justo Abraão saiu de sua câmara, e sentou-se sob as árvores de Manre, segurando o queixo em sua mão, e aguarda a vinda do arcanjo Miguel. E eis que um cheiro doce de odor veio a ele, e um piscar de luz, e Abraão virou e viu a Morte vinda para ele em grande glória e beleza. E Abraão levantou-se e foi se encontrar com ele, pensando que era o comandante-chefe de Deus, e contemplarem a morte ele saudou-o, dizendo: Regozijai, precioso Abraão, alma justa, verdadeiro amigo do Deus Altíssimo, e companheiro do santo anjos. Abraão disse a Morte tu Ave, da aparência e da forma como o sol, mais glorioso ajudante, portador do homem, luz maravilhosa, de onde é que tua glória vêm até nós, e quem és tu, e onde vens? Então disse a Morte, Mais virtuosos Abraão, eis que eu te dizer a verdade. Eu sou o amargo lote de morte. Abraão disse-lhe: Não, mas tu és a beleza do mundo, tu és a glória ea beleza dos anjos e dos homens, és justo na forma do que todos os outros, e dizes: eu sou o amargo lote de morte, e não sim, eu sou mais justo do que cada coisa boa. Morte disse, eu te dizer a verdade. O que o Senhor tem me chamado, que também eu te digo. Abraão disse: Por que vieste para cá? Morte disse, Por tua santa alma que vim. Então Abraão disse, eu sei o que queres dizer, mas eu não irei contigo, e Morte foi silencioso e não lhe respondeu palavra.

XVII. Então Abraão se levantou, e foi para sua casa, e Morte também o acompanhou até lá. Abraão e subiu em sua câmara, e Morte subiu com ele. Abraão e fixar sobre o seu leito, e A morte veio e sentou-se a seus pés. Então Abraão disse, Sai, afastar-me, para que eu desejo para descansar após o meu sofá. Morte disse, não vou me afastar até ter teu espírito de ti. Abraão disse a ele, o imortal Por Deus eu te cobrar me dizer a verdade. Arte morte tu? Morte disse a ele, eu sou a morte. Eu sou o destruidor do mundo. Abraão disse, peço-te, pois és Morte, me diga se tu vens assim, a todos com justiça e glória e beleza? Morte disse: Não, meu Senhor Abraão, porque os teus atos de justiça, e imenso mar do teu hospitalidade, ea grandeza do teu amor para com Deus tornou-se uma coroa de minha cabeça, e em beleza e grande paz e suavidade me aproximar os justos, mas para os pecadores venho em grande corrupção e ferocidade ea maior amargura e com olhar feroz e impiedoso. Abraão disse, eu te peço, ouvi-me, e mostrar-me o teu furor e todos os teus corrupção e amargura. Morte e disse: Tu não podes ver o meu furor, mais virtuosos Abraão. Abraão disse: Sim, eu serei capaz de contemplar toda a ferocidade teu por meio do nome do Deus vivo, para a força do meu Deus que está no céu é comigo. Então Morte adiar toda a sua comeliness e beleza, e toda a sua glória ea forma como o sol com a qual ele estava vestido, e colocou sobre si vestes de um tirano, e fez sua aparição sombrio e mais feroz do que todos os tipos de animais selvagens, e mais imundo do que toda a imundícia. E ele mostrou a Abraão fiery sete cabeças de serpentes e 14 rostos, (um) do tártaro e de grande fierceness, e um rosto de trevas, e um rosto mais sombrio de uma víbora, e um rosto de um precipício mais terrível, e um mais feroz do que um rosto asp, e um rosto de um leão terrível, e um rosto de um cerastes e basilisco. Ele lhe mostrou também uma face de uma cimitarra de fogo, e um rosto espada-rolamento, e um rosto de relâmpago, aliviando terrivelmente, e um barulho terrível de trovão. Ele mostrou-lhe também uma outra face de um feroz mar tempestuoso, e um feroz apressando rio, e uma serpente de três cabeças terrível, e um copo misturado com venenos e, em breve ele mostrou a ele grande ferocidade e amargura insuportável, e cada doença mortal Como do odor da Morte. E da grande amargura e ferocidade ali morreu agentes de limpeza e agentes em número de sete mil, e os virtuosos Abraão entrou em indiferença de morte, para que seu espírito ele falhou.

XVIII. E a Abraão toda santa, vendo essas coisas assim, disse a Morte, eu te rogo, destruindo tudo-Morte, esconder o teu furor, e colocar em tua beleza e pela forma que tu tinhas antes. E a Morte logo escondeu sua ferocidade, e colocar em sua beleza, que ele tinha antes. E Abraão disse a Morte, Por que fizeste isto, que mataste todos os meus servos e servas? Que Deus te enviou para cá para este fim deste dia? Morte disse: Não, meu Senhor Abraão, não é como tu dizes, mas na tua conta foi Enviei cá. Abraão disse a Morte, Como, então, estas têm morrido? O Senhor não lhe falei? Morte disse, acreditar que tu, mais virtuosos Abraão, que este também é maravilhoso, que tu também não foste tirado com eles. Todavia, digo-te a verdade, pois se a mão direita de Deus não tivesse sido com ti, nesse momento, tu também terias teve de afastar essa vida. Os justos Abraão disse: Agora eu sei que eu tenho entrado em indiferença da morte, de modo que o meu espírito não, mas peço-te, destruindo tudo-Morte, já que meus agentes tenham morrido antes de seu tempo, chegou rezemos ao Senhor nosso Deus que ele pode nos ouvir e levantar aqueles que morreram pelo teu furor antes de seu tempo. Morte e disse: Amém, seja assim. Portanto Abraão levantou-se e caiu sobre a face da terra, em oração, e Morte, juntamente com ele, e que o Senhor enviou um espírito de vida sobre aqueles que foram mortos e eles foram feitos vivo novamente. Então, o justo Abraão deu glória a Deus.

XIX. E vai-se em sua câmara ele deitou-se e veio a Morte e estava diante dele. E Abraão lhe disse: Apartai-vos de mim, para que eu desejo para descansar, porque o meu espírito é de indiferença. Morte disse, não vou me afastar de ti, até que eu tome a tua alma. Abraão e com uma aparência austera e olhar indignado, disse a Morte, Quem te ordenou tem a dizer isto? Tu o dizes estas palavras de ti mesmo orgulhosamente, e eu não vou te até com o chefe-capitão Michael vir a mim, e eu vou ir com ele. Mas isso também me dizer-te, se tu desejas que vou acompanhar-te, explicar-me todas as tuas alterações, os sete chefes de fogo de serpentes e qual a face do precipício é, eo que a espada afiada, eo que o alto-roaring rio, e que o mar tempestuoso que grassa tão ferozmente. Ensina-me também o trovão insuportável, o terrível e relâmpagos, e da Copa do mal-cheiro misturado com venenos. Ensina-me a respeito de tudo isso. E respondeu a Morte, Escute, virtuosos Abraão. Por sete anos eu destruir o mundo e levar tudo para baixo para Hades, reis e governantes, ricos e pobres, escravos e homens livres, eu comboio para o fundo de Hades, e por isso eu te mostrou as sete cabeças de serpentes. O rosto do fogo eu te mostrou porque muitos morrem consumido pelo fogo, e eis morte através de um rosto de fogo. A face do precipício Eu te mostrou, porque muitos homens morrem descendente dos topos das árvores ou terríveis precipícios e perder a sua vida, e ver a morte sob a forma de um precipício terrível. O rosto da espada eu te mostrou porque muitos são mortos em guerras pela espada, e ver a morte como uma espada. A face do grande rio correndo eu te mostrou porque muitas são afogados e perecem arrebatada pelo cruzamento de muitas águas e levado por grandes rios, e ver a morte antes do tempo. A face do mar bravo furiosa eu te mostrou porque muitos no mar caindo em grande afluxo e tornando-se naufrágio são engolidas e vê a morte como o mar. O trovão eo relâmpago insuportável terrível eu te mostrou porque muitos homens no momento de raiva reunir com trovões e relâmpagos insuportável terrível vindo a apreender sobre os homens, e, assim, ver a morte. Eu te mostrou também os animais selvagens, peçonhentos víboras e basiliscos, leopardos e leões e leões "cachorros, ursos e víboras, e em face do curto espaço de cada animal selvagem Eu te mostrou, mais justo, porque muitos homens são destruídos por animais selvagens , e outros por venenosas cobras, serpentes e asps e cerastes e basiliscos e víboras, respiramos a sua vida e morrer. Eu te mostrou também a destruição de copos misturado com veneno, porque muitos homens sendo dadas a beber veneno por outros homens logo partem inesperadamente.

XX. Abraão disse, peço-te, há também uma inesperada morte? Diga-me. Morte disse: Em verdade, em verdade, eu digo-te da verdade de Deus, que há 72 mortes. Um deles é a apenas a morte, compra o seu tempo determinado, e muitos homens em uma hora entra em morte sendo remetida para o túmulo. Eis que eu te disse tudo o que tu pediu, agora eu digo-te, mais virtuosos Abraão, de demitir todos conselho, e deixará de pedir qualquer coisa uma vez por todas, e vir, ir comigo, como o juiz de Deus e tudo tem me ordenou. Abraão disse a Morte, Afasta de mim ainda um pouco, para que eu possa descansar em meu leito, porque eu sou muito fraco no coração, para que eu já te vi com os meus olhos a minha força me falhou, todos os membros da minha carne parecem para mim como um peso de chumbo, e meu espírito se angustia excessivamente. Saída para um pouco, porque eu já disse que eu não posso suportar a ver teu corpo. Em seguida, veio seu filho Isaac e caiu sobre o seu peito chora, e sua esposa Sarah veio e abraçou seus pés, lamentar amargamente. Há também vieram seus homens escravos e as mulheres escravas e rodeado seu leito, lamentam profundamente. Abraão entrou em indiferença de morte, e morte, disse a Abraão: Venha, pegue minha mão direita, e pode alegria e vida e força vêm a ti. Para Morte enganado Abraão, e ele teve sua mão direita, e logo a sua alma aderiu ao lado da Morte. E logo o arcanjo Miguel veio com uma multidão de anjos e pegou sua alma preciosa em suas mãos em um pano de linho divinamente tecido, e eles tendem a corpo do Abraão apenas com pomadas e perfumes divinos até o terceiro dia após sua morte, e sepultaram na terra da promessa, o carvalho de Manre, mas os anjos recebeu sua preciosa alma, e subiu ao céu, cantando o hino do "três vezes santo" ao Senhor o Deus de todos, e defini-lo lá para adorar a Deus e Pai. E depois de grande louvor e glória tinha sido dada ao Senhor, e Abraão se inclinou para adorar, veio a voz imaculada do Deus e Pai dizendo assim, Tomar, portanto, meu amigo Abraão ao Paraíso, onde estão as tendas dos meus justos, e as moradas dos meus santos Isaac e Jacó, no seu íntimo, onde não há problemas, nem luto, nem gemidos, mas a paz ea alegria e vida sem fim. (E vamos, também, meus amados irmãos, imitar a hospitalidade do patriarca Abraão, e atingir o seu modo de vida virtuosa, que pode ser considerado digno da vida eterna, glorificando o Pai, Filho e Espírito Santo, a quem a glória eo poder para sempre. Amen.).

Notas de Rodapé

[3991] Literalmente comandante-em-chefe, ou Chefe-Geral. [3992] Dois mss. ler ", de nosso Senhor Jesus Cristo."

.

Versão II.

I. E sucedeu que, quando os dias da morte de Abraão aproximou-se, que o Senhor disse a Michael: Levanta-te e ir para Abraão, meu servo, e dizer-lhe: Tu deverás afastar da vida, de verdade! os dias da tua vida temporal são preenchidas: a fim de que ele possa definir a sua casa em ordem antes de ele morrer.

II. E Michael passou e veio a Abraão, e encontrou-o sentado diante de seus bois para arar, e ele foi superior a velha na aparência, e teve seu filho em seus braços. Abraão, portanto, vendo o arcanjo Miguel, levantou-se do chão e saudou-o, sem saber quem ele era, e disse-lhe: O Senhor te preservar. Que tua viagem seja próspera contigo. E Michael respondeu-lhe: Tu és tipo pai, bom. Abraão respondeu, e disse-lhe: Vem, se aproximam de mim, irmão, e sente-se um pouco, para que eu possa pedir uma besta para ser levado a que possamos ir para a minha casa, e tu mayest resto de mim, pois é Para a noite, e na manhã surgir e ir aonde tu queres, porque alguns mal besta e fazer cumprir ti te machucar. Michael e perguntou de Abraão, dizendo: Dize-me o teu nome, antes de eu entrar tua casa, para que não seja onerosa para ti. Abraão respondeu e disse: Meus pais me chamou Abrão, eo Senhor me chamado Abraão, dizendo: Levanta-te e afastar tua casa, da tua parentela, e vai para a terra que mostrarei a ti. E quando eu fui embora para a terra que o Senhor me mostrou, ele me disse: Teu nome não deve mais ser chamado Abrão, mas teu nome será Abraão. Michael respondeu, e disse-lhe: Perdoe-me, meu pai, experiente homem de Deus, porque eu sou um estranho, e eu ouvi de ti que fizeste ir 40 estádios e te trazer uma cabra e matá-lo, entretendo anjos em tua casa , para que pudessem descansar. Assim falando juntos, eles se levantaram e foram para a casa. Abraão e chamou um dos seus servos, e disse-lhe: Vai, me traga uma besta que o estranho pode sentar-se em cima dele, pois ele está cansado com a viagem. E Michael disse: Trouble não a juventude, mas vamos levemente até chegarmos a casa, pois eu amo a tua empresa.

III. E eles foram decorrentes, e como eles chamaram próximo à cidade, cerca de três estádios a partir dele, eles encontraram uma grande árvore com 300 agências, como a uma tamargueira. E ouviram a voz de seus ramos cantando: "Santo és tu, porque és mantida a finalidade para a qual foste enviada." E Abraão ouviu a voz, e escondeu o mistério em seu coração, dizendo dentro de si, que é o mistério que eu ouvi? Como ele entrou na casa, Abraão disse aos seus servos: Levanta-te, para os rebanhos, e trazer três ovelhas, e matá-los rapidamente, e torná-los prontos que podemos comer e beber, para este dia é uma festa para nós . E os servos trouxeram as ovelhas, chamado Abraão e seu filho Isaque, e disse-lhe: Meu filho Isaac, surgem e colocar água no navio que possamos lavar os pés deste estranho. E trouxe-o como lhe foi ordenado, e Abraão disse, eu percebo, e assim será, que neste bacia eu nunca mais lavar os pés de qualquer homem que vêm a nós como um convidado. Isaac audiência e seu pai dizer isto chorou, e disse-lhe, meu pai que é isto que tu dizes: Esta é a minha última hora para lavar os pés de um estranho? Abraão e vendo seu filho chora, também chorou muito, e Michael vê os prantos, chorou também, e as lágrimas de Michael caiu do navio e se tornou uma pedra preciosa.

IV. Quando Sarah, sendo privilegiada em sua casa, ouviu o seu choro, ela saiu e disse a Abraão: Senhor, por que é que vos assim chorar? Abraão respondeu, e disse-lhe: Não é por mal. Vá em tua casa, e fazer o teu próprio trabalho, porque nós ser problemático para o homem. E Sarah foi embora, sendo cerca de preparar a ceia. E o sol chegou perto de configuração, e Michael saiu da casa, e foi levado para o céu para adorar a Deus, por sol em todos os anjos adoram a Deus eo próprio Michael é o primeiro dos anjos. E todos adoraram, e foi cada um para o seu lugar, mas Michael falou perante o Senhor, disse: Senhor, manda-me a ser questionada antes tua santa glória! E o Senhor disse a Michael, anunciam o que quiseres! E o Arcanjo respondeu e disse: Senhor, tu me enviaste a Abraão para dizer a ele, Sai do teu corpo, e deixar este mundo, o Senhor te chama, e eu não ousam, Senhor, me manifestarei a ele, pois ele é teu amigo, e um homem justo, e que recebe os estranhos. Mas peço-te, Senhor, o comando lembrança da morte de Abraão para entrar em seu coração, e lance não me diga que ele, pois é grande carácter abrupto de dizer, Deixe o mundo, e especialmente a abandonar o próprio corpo, porque tu criaste ele desde o início de ter pena na alma de todos os homens. Então o Senhor disse a Michael, Arise e ir para Abraão, e reclamar com ele, e verás o que lhe comer, comer tu também, e onde quer que ele deve dormir, dormir tu aí também. Porque eu lançarei o pensamento da morte de Abraão para o coração de seu filho Isaac em um sonho.

V. Em seguida, Michael entrou na casa de Abraão nessa noite, e encontrou-os a preparar ceia, e comeram e beberam e se regalaram. E Abraão disse ao seu filho Isaac, Levanta-te, meu filho, e se espalhou sofá do homem que ele pode dormir, e fixar a lâmpada ao estande. Isaac e fez como seu pai lhe ordenou, Isaac e disse a seu pai, também eu estou vindo para dormir ao seu lado. Abraão respondeu-lhe: Não, meu filho, porque nós ser incomodativo para este homem, mas ir a tua própria câmara e dormir. E Isaque não querendo desobedecer a ordem de seu pai, foi embora e dormiu em sua própria câmara.

VI. E isso aconteceu sobre a sétima hora da noite Isaac acordou, e chegou à porta do quarto de seu pai, chorando e dizendo: pai, Open, para que eu possa tocar-te antes que eles te levar longe de mim. Abraão levantou-se e abriu-lhe, e Isaac entrou e pairava sobre o choro de seu pai, pescoço e beijou-o com lamentações. Abraão e chorou junto com seu filho, e Michael viu chorando e chorou também. Sarah e ouvi-las prantos chamado de seu quarto de dormir, dizendo: Meu Senhor Abraão, porque é que esta chorando? Tem o estranho disse-te de Lot teu irmão filho que ele está morto? ou tenha qualquer outra coisa nos sobreveio? Michael respondeu e disse a Sara: Não, Sarah, eu trouxe nenhuma notícia de Lot, mas eu sabia de toda a sua bondade de coração, que aí vos superam todos os homens sobre a terra, e que o Senhor lhe tenha lembrado. Então Sara disse a Abraão, durst Como tu chorar quando o homem de Deus veio a ti, e porque tem os teus olhos [3993] derramar lágrimas por hoje não há grande alegria? Abraão disse-lhe: Como tu sabes que este é um homem de Deus? Sarah respondeu, e disse: Porque eu digo e declarar que este é um dos três homens que estavam entretidos por nós no carvalho de Mambré, quando um dos agentes passou e trouxe um miúdo e tu matá-lo, e te dizer para mim Levanta-te, fazer prontos que podemos comer com esses homens em nossa casa. Abraão respondeu e disse: Tu tem percebido bem, ó mulher, pois eu também, quando eu sabia lavou os pés em meu coração que estes eram os pés que eu tinha lavado, o carvalho de Manre, e quando eu comecei a indagar a respeito de sua viagem , ele disse para mim, eu vou para preservar irmão Lot tua dos homens de Sodoma, e então eu sabia o mistério.

VII. E Abraão disse a Michael: Diga-me, homem de Deus, e mostrar-me por tu cá vir. E Michael disse, teu filho Isaac vai mostrar-te. E Abraão disse ao seu filho, meu amado filho, diga-me o que viste no teu sonho hoje, e wast assustados. Relacioná-lo para mim. Isaac respondeu a seu pai, eu vi em meu sonho, o sol ea lua, e havia uma coroa de minha cabeça, e veio do céu um homem de grande tamanho, e brilhante como a luz que é chamado o pai da luz. Ele tirou o sol da minha cabeça, e ainda deixou a raios por trás de mim. E chorou e eu disse, peço-te, meu Senhor, não ter afastado a glória da minha cabeça, ea luz da minha casa, e toda a minha glória. E o sol, a lua e as estrelas, lamentou, dizendo: não afasta a glória do nosso poder. E que brilhando homem respondeu, e disse-me: Não chores que eu tomar a luz da tua casa, para que seja tomada a partir de problemas em repouso, de uma propriedade de baixa para uma alta, eles levantá-lo de um estreito para uma ampla lugar, pois eles criá-lo das trevas para a luz. E eu disse-lhe, peço-te, Senhor, levar também os raios com ele. Ele me disse, há doze horas do dia, e depois vou tomar todas as raias. Como a brilhar homem disse isso, eu vi o sol da minha casa de subir aos céus, mas que coroa vi mais nada, e que o sol era como meu pai te. E Michael disse a Abraão, teu filho Isaac falou a verdade, pois irás, e ser levado para o céu, mas teu corpo deve permanecer na terra, até sete mil idades forem cumpridas, para, em seguida, toda a carne a surgir. Agora, pois, Abraão, definir tua casa em ordem, e os teus filhos, para te ouvir plenamente o que é decretado a teu respeito. Abraão respondeu e disse para Michael, peço-te, Senhor, se eu deve afastar o meu corpo, tenho desejado para ser retomada no meu corpo que eu possa ver as criaturas que o Senhor meu Deus criou nos céus e na terra. Michael respondeu e disse: Isso não é para mim fazer, mas vou passar e dizer ao Senhor a isso, e se eu estou comandou eu te mostrarei todas essas coisas.

VIII. E Michael subiu ao céu, e falou perante o Senhor a respeito de Abraão, eo Senhor respondeu Michael, Go e pegar Abraham no corpo, e mostrar-lhe todas as coisas, e que ele deve dizer-te que para ele como para o meu amigo . Assim, Michael saiu e pegou Abraão no corpo em uma nuvem, e trouxe para o Rio de Oceano.

XII. E depois que Abraão tinha visto o local do julgamento, a nuvem levou para baixo sobre o firmamento abaixo, e Abraão, olhando para baixo sobre a terra, viu um homem cometer adultério com uma mulher casada. E Abraão disse viragem para Michael, Vês esta maldade? mas, Senhor, manda fogo do céu para consumi-los. E logo veio o fogo e os consumiu, porque o Senhor tinha dito que Michael, que quer que Abraão te perguntar o que fazer para ele, fazer tu. Abraão olhou novamente, e viu outros homens gradeamento em seus companheiros, e disse: Que a terra abrir e engoli-los, e como ele falou a terra engoliu vivo. Mais uma vez a nuvem o levou para outro lugar, e viu algumas Abraão indo para um lugar deserto para cometer assassinato, e ele disse a Michael: Vês esta maldade? Mas deixem os animais selvagens saem do deserto, e rasgá-los em pedaços, e que os mesmos animais selvagens horas saiu do deserto, e os devorou. Então o Senhor Deus falou a Michael dizendo, Turn longe Abraão a sua própria casa, e que ele não girar toda a criação que eu fiz, porque ele não tem compaixão dos pecadores, mas eu tenho compaixão de pecadores que elas podem virar e viver, e se arrepender de seus pecados e ser salvo.

(VIII.) E Abraão olhou e viu duas portas, a um pequeno e os outros grandes, e entre os dois portões estava sentado um homem em um trono de grande glória, e uma multidão de anjos redonda sobre ele, e ele estava chorando, e novamente rindo, mas o seu pranto excedeu o seu riso sete vezes. E Abraão disse a Michael: Quem é este que fica entre as duas portas em grande glória, às vezes ele ri, e às vezes, ele chora, e seu pranto excede seu riso sete vezes? E Michael disse a Abraão, não sabes quem é? E ele disse: Não, Senhor. E Michael disse a Abraão: Vês estas duas portas, o pequeno eo grande? Estes são os que conduzem à vida e à destruição. Este homem que se senta entre eles é Adão, o primeiro homem a quem o Senhor criou, e colocou-a este lugar para ver cada alma que deixa o corpo, vendo que todos são dele. Quando, portanto, vires chorando, saiba que ele tem visto muitas almas sendo levadas à destruição, mas quando vires rindo dele, ele viu muitas almas sendo levado para a vida. Vês como o seu pranto exceda o seu riso? Uma vez que ele vê a maior parte do mundo estão sendo levados através do amplo portão de destruição, portanto, seu pranto excede seu riso sete vezes.

IX. E disse Abraão: E aquele que não pode entrar pela porta estreita, ele não poderá entrar para a vida? Então Abraão chorou, dizendo: Ai de mim, o que devo fazer? porque sou um homem de lata do corpo, e como serei capaz de entrar pela porta estreita, pela qual um menino de 15 anos não pode entrar? Michael respondeu e disse a Abraão: Não temas, pai, nem entristece, porque tu entra por ela sem entraves, e todos aqueles que são como tu. E, como Abraão levantou-se e maravilhado, eis que um anjo do Senhor condução 60.000 almas dos pecadores para destruição. E Abraão disse a Michael, que todos estes vão para a destruição? E Michael disse-lhe: Sim, mas deixe-nos ir e pesquisa entre estas almas, se não houver entre eles sequer uma justos. E quando eles andavam, eles encontraram um anjo segurando em sua mão uma alma de uma mulher de entre estes 60 mil, porque ele havia encontrado seus pecados com peso igual com todas as suas obras, e eles não eram nem em movimento nem em repouso, mas em um estado entre, mas as outras almas que ele levou à destruição. Abraão disse para Michael, Senhor, este é o anjo que remove as almas do corpo ou não? Michael respondeu e disse: Isto é a morte, e ele os leva para o local do julgamento, que o juiz pode julgá-los.

X. E Abraão disse: Meu Senhor, peço-te para me levar para o local de julgamento, para que também eu possa ver como eles são julgados. Em seguida, Michael tomou Abraão sobre uma nuvem, e levou-o para o Paraíso, e quando ele veio para o lugar onde estava o juiz, o anjo veio e deu a alma ao juiz. E a alma disse: Senhor tem misericórdia de mim. E o juiz disse, como poderei ter misericórdia de ti, quando tu não hadst misericórdia de tua filha que tinhas, o fruto do teu ventre? Portanto fizeste tu matá-la? Ele respondeu: Não, Senhor, o abate não foi feito por mim, mas a minha filha tenha mentido sobre mim. Mas o juiz ordenou que ele vir anotavam os registros, e eis dois querubins transportando livros. E lá foi com eles um homem de grande estatura superior, tendo na cabeça três coroas, e uma coroa foi maior do que os outros dois. Estes são chamados de coroas testemunha. E o homem tinha na mão uma caneta de ouro, o juiz disse a ele, expor o pecado da alma. E que o homem, abrindo um dos livros da querubins, procurou o pecado da alma da mulher e encontrou. E o juiz disse, ó alma desgraçada, por que dizes que não tens feito assassinato? Fizeste não, depois da morte de teu marido, vai cometer adultério com marido de tua filha, e matá-la? E ele também ela condenada outros pecados dela, que ela tinha feito de sua juventude. Ouvindo essas coisas que a mulher gritou, dizendo: Ai de mim, todos os pecados que eu fiz no mundo que me esqueci, mas aqui eles não foram esquecidos. Em seguida, eles a levaram embora também e deu-a para os torturadores.

XI. E Abraão disse para Michael, Senhor, quem é esse juiz, e quem é o outro, que condena os pecados? E Michael disse a Abraão: Vês o juiz? Este é Abel, que primeiro testemunhou, e Deus o trouxe cá para julgar, e ele é testemunha de que aqui é a professora do céu e da terra, o escriba de justiça, Enoque, para que o Senhor os enviou para cá para anotar os pecados e justiças de cada um. Abraão disse: E como Enoque suportar o peso das almas, não ter visto a morte? ou como ele pode dar a sentença a todas as almas? Michael disse: Se ele dá a sentença relativa almas, não é permitido, mas Enoque se não dá pena, mas é o Senhor quem faz isso, e ele não tem mais a fazer do que apenas a escrever. Para Enoque orou ao Senhor, dizendo: eu não desejo, Senhor, para dar a sentença sobre as almas, para que não seja grave a ninguém, e que o Senhor disse a Enoque, eu te ordeno para escrever os pecados da alma que faz expiação e entra em vida, e se a alma não fazer expiação e arrependimento, acharás seus pecados regras escritas e serão lançados no castigo. E perto da hora nona Michael Abraham trouxe de volta para sua casa. Mas Sara, sua esposa, não vendo o que tinha ficado de Abraão, foi consumido pela tristeza, e deu-se o fantasma, e após o retorno de Abraão que ele a encontrou morta, e enterrou.

XIII. Mas quando o dia da morte de Abraão se aproximava, o Senhor Deus disse para Michael, Morte não se atrevem a chegar perto para tirar a alma de meu servo, porque ele é meu amigo, mas tu vai decorar a Morte e com grande beleza , e enviar-lhe, assim, a Abraão, para que ele possa vê-lo com os olhos. Michael imediatamente e, como lhe foi ordenado, adornado Morte com grande beleza, e enviou-o, assim, a Abraão que ele pudesse vê-lo. E sentou-se perto de Abraão, e Abraão Morte vendo sentado próximo a ele estava com medo com um grande medo. Morte e disse a Abraão: Salve, santa alma! amigo granizo, do Senhor Deus! consolação, granizo e entretenimento de viajantes! E Abraão disse: Tu és bem-vindo, servo do Altíssimo. Deus. Rogo-te, diz-me quem és, e entrar na minha casa participar de comida e bebida, e afastar-me, para que eu já te vi sentado perto de mim a minha alma tem sido incomodado. Pois eu não sou digno a todos os chegará a ti, pois és um espírito exaltado e eu sou de carne e osso e, portanto, eu não posso suportar a tua glória, pois vejo que a tua beleza não é deste mundo. Morte e disse a Abraão, eu te digo, em toda a criação que Deus fez, não foi encontrado um semelhante a ti, até mesmo para o próprio Senhor através de pesquisa não encontrou uma sobre um tal toda a terra. E Abraão disse a Morte, Como mentira ousava tu? pois vejo que a tua beleza não é deste mundo. Morte e disse a Abraão, não creias, Abraão, que essa beleza é meu, nem que eu venho, assim, para cada homem. Não, mas se qualquer um é justo como ti, eu, assim, coroas e vir com ele, mas se ele é um pecador Eu venho em grande corrupção, e fora de seu pecado eu fazer uma coroa para a minha cabeça, e eu sacudi-los com medo tão grande, que eles estão consternados. Abraão, portanto, lhe disse: E de onde vem a tua beleza? Morte e disse: Não há outro mais cheio de corrupção do que eu sou. Abraão disse a ele, E tu és de fato, ele é chamado a Morte? Ele respondeu-lhe e disse: Eu sou o amargo nome. Estou chorando ....

XIV. E Abraão disse a Morte, Mostra-nos a tua corrupção. E a Morte manifesto feito sua corrupção, e tinha duas cabeças, a um tinha o rosto de uma serpente e por isso alguns morrem de uma vez por víboras, e outro chefe era como uma espada, por que alguns morrem pela espada como por arcos . Naquele dia, os servos de Abraão morreu com medo da morte, e Abraão vê-los orou ao Senhor, e ele levantou-los. Mas Deus voltou e removeu a alma de Abraão como em um sonho, e do arcanjo Miguel levou-o para o céu. Isaac e enterrado seu pai ao lado de sua mãe Sara, glorificando e louvando a Deus, pois para ele é a glória devida, honra e adoração, do Espírito, Pai, Filho e Espírito Santo, agora e sempre e por toda a eternidade. Amen.

Notas de Rodapé

[3993] "Olhos da fonte de luz" é aparentemente o que o texto tem.


Além disso, veja links para 3500 outros manuscritos:
/ Believe/txv/earlych4.htm


Este assunto apresentação do original em língua Inglês


Enviar e-mail uma pergunta ou comentário para nós: E-mail

O principal BELIEVE web-page (eo índice de assuntos) está em
http://mb-soft.com/believe/beliepom.html'